quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Real Madrid 5x3 Sport (1957)




























Imagine uma partida entre Sport e o maior clube de futebol do mundo, durante sua melhor época, com um público de mais de 70.000 pessoas... Sonho? Não, história.

Maio de 1957. O Sport estava em excursão pela Europa. O Real Madrid vivia os melhores dias de sua história, um período que rendeu 5 títulos consecutivos da Taça dos Campeões Europeus (atual UEFA Champions League): 1955-56, 1956-57, 1957-58, 1958-59 e 1959-60.

Acordou-se um amistoso entre as equipes para a inauguração da iluminação artificial do Santiago Bernabéu. 

Raymond Kopa
O Real Madrid jogaria sem Di Stéfano, La Saeta Rubia, então melhor jogador do mundo. Caberia a Raymond Kopa o papel de maestro dos merengues. Kopa que no ano seguinte ganharia o Ballon D'Or, prêmio de melhor jogador da Europa (que hoje é dado ao melhor jogador do mundo pela FIFA). Kopa que brilharia na grande campanha da França na Copa de 58, ao lado de Just Fontaine.

A bola rolou em 18 de maio de 1957. Mal começou o jogo e os blancos saíram na frente com um gol de Castaños. Traçaia, maior artilheiro da história do Sport, empatou aos 37 minutos. Antes de terminar o 1º tempo, Pérez Payá deixou os espanhóis em vantagem novamente. 

Tão logo se iniciou a etapa complementar, Marsal marcou o terceiro dos madrilenos. A partir dos 15 minutos, veio a reação rubro-negra: Eliezer diminuiu após falha de Navarro e, cinco minutos depois, Naninho empatou a partida. Mas a reação parou por aí. Os merengues voltaram a marcar por meio de Castaños, e, por fim, o craque Kopa fechou o placar com uma belíssima jogada individual. Real Madrid 5x3 Sport.












Dados da partida:

REAL MADRID 5X3 SPORT

REAL MADRID: Visa (Zumalabé); Alvárez, Oliva e Navarro, Rubio e Ruiz;  Castaños, Pérez Payá (Joselín), Kopa, Marsal e Molowny.

SPORTCarijó; Bria e Servílio; Osvaldinho, Pinheirense e Rubens; Traçaia, Naninho, Ilo Caldas, Soca e Geo (Eliezer).

Gols: Castaños (2), Pérez Payá, Marsal, Kopa, Traçaia, Naninho e Eliezer.


Naninho e Traçaia marcaram no Santiago Bernabéu.

9 comentários:

  1. Show de bola! É de dar orgulho!

    Acessem: www.cronicasdeumrubronegro.com.br

    Fui!!!

    ResponderExcluir
  2. Beleza kra, daqui a pouco te mando o banner! Aproveita e me manda o teu, que faço o mesmo no meu blog, te add como parceiro.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. não to entendendo essa exposição intensa de uma derrota! porra de Real Madrid,eu sou é Sport!

    ResponderExcluir
  4. De dar orgulho se tivesse ganho. Aí sim.

    ResponderExcluir
  5. Nobres, trabalho na globo e queria saber o contato de vocês. Estou interessado no vídeo da copa de 50. Pelo menos me passem um e-mail do site para entrar em contato. Abs

    ResponderExcluir
  6. Lula Moraes, não consegui achar teu e-mail...
    o e-mail do blog é futurosportrecife@gmail.com

    ResponderExcluir
  7. É orgulhoso a pessoa torcer para um maior campeão do nordeste,tine que tem historia para mostra a todos! Pelo Nada tudo!

    ResponderExcluir